• Levada do Alecrim

  • 1

Levada do Alecrim

 
  • Itinerário
  • Rabaçal - Ribeira do Alecrim - Lagoa "Dona Beja"
  • Início
  • Rabaçal (E.R. 105) 
  • Fim
  • Rabaçal (E.R. 105)  
 

 

 

Ficha Técnica

  • Tipologia
  • LEVADA
  • Dificuldade
  • FÁCIL
  • Terreno
  • REGULAR
  • Sentido
  • IDA E VOLTA
  • Distância
  • 6,8 KM (2x 3,4 KM)
  • Duração
  • 2h – 2h30min

Percurso 3D

Fonte: Google Earth

Como Chegar

Tendo como referência a saída do Funchal e, devido à Estrada Regional (E.R.105) entre a Encumeada e o Rabaçal encontrar-se de momento fechada ao trânsito, recomendamos que:

  • Deve seguir na Via Rápida (VR1) em direção à Ribeira Brava;
  • Na Ribeira Brava, siga pela Via Expresso (VE3) em direção à Ponta do Sol e Calheta;
  • Na chegada à vila do Arco da Calheta, na rotunda, siga pela 1ª saída em direção à Estrada Regional (E.R.222);
  • No sítio do Loreto siga a sinalização até ao Rabaçal;
  • O percurso encontra-se à direita.

 

Pontos de Interesse

A Levada do Alecrim insere-se no grupo das levadas que têm o seu início na zona do Rabaçal.

O início deste percurso leva-nos também para as Levadas das 25 Fontes, do Risco e do Paul II.

Para iniciar a Levada do Alecrim (ou Paul I) basta percorrer apenas uns metros na estrada alcatroada, no sentido do Posto Florestal do Rabaçal, seguindo no trajeto logo à sua direita. O percurso é de fácil acesso e encontra-se visivelmente demarcado.

Durante o percurso é possível encontrar os sempre magníficos túneis de urzes que apesar de cercarem o trajeto, criam cenários únicos envolventes.

Aproximadamente, 500 metros após o início do percurso, é possível encontrar a Ribeira do Alecrim que irá abastecer a Central Hidroelétrica da Calheta.
É frequente encontrar ao longo do trajeto uma variedade considerável de endemismos, como a Leituga e a Orquídea da Serra.

Ao longo do trajeto é possível encontrar várias zonas de observação de paisagens profundas, sendo o Vale do Rabaçal e o da Ribeira da Janela os cenários mais comuns.

Antes de chegar à Lagoa da “Dona Beja” é possível encontrar à direita acesso para a subida para o Lajeado e à esquerda a descida para a Lagoa do Vento, trajeto este que exige alguma experiência ao caminhante uma vez que é de dificuldade elevada.
É frequente encontrar várias afluentes dos principais ribeiros com origem no Paul da Serra, sendo que os tem de ultrapassar, não havendo por norma dificuldade nessa transposição.

Percorridos cerca de 3,4 KM chega à madre da Levada do Alecrim, podendo desfrutar da bonita Lagoa da “Dona Beja”, assim como de outras pequenas lagoas circundantes.
Depois de algum descanso, retorne pelo mesmo caminho e caso dispunha de tempo, poderá ainda visitar algum dos seguintes percursos:

- Levada do Risco;

- Levada das 25 Fontes;

- Levada do Lajeado;

- Levada do Paul II;

- Vereda da Lagoa do Vento.

Segurança

Além das normas gerais de segurança que o Município da Calheta preparou especificamente para si e que pode consultar aqui, tenha em atenção as recomendações específicas do percurso:

- Não se esqueça que se encontra numa cota elevada (acima dos 1.200 metros de altitude) e, por isso, numa zona que poderá sofrer variações climáticas repentinas, sendo o nevoeiro a mais frequente. Se não se afastar do trilho proposto, não haverá percalços. Em caso de dúvida consulte o ficheiro GPS do percurso que lhe disponibilizamos.

Mapa

 

Galeria

Partilhe Esta Página